"NOSSA VISÃO: CONHECER A CRISTO CRUCIIFICADO E TORNÁ-LO CONHECIDO, EM TODO LUGAR, POR MEIO DA GRAÇA."

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019

QUEM É AMADO POR DEUS - AMA


Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros. João 13:34.
Qual é a distinção do que o Senhor falou aqui, que Ele possa chamar de novo mandamento? Aqui nós precisamos ser muito cuidadosos, porque senão não vamos entender o que aqui é novo. Porque a lei já dizia que devemos “amar a Deus de todo o coração”, e paralelamente a isso, ou como consequência desse amor, devemos amar ao nosso próximo como a si mesmo. Agora, aquilo que o Senhor descreve aqui é igual a lei, então não há nada de novo. Então o que há de novo, qual é o novo mandamento? É que devemos amar, assim como Ele nos amou. Amados, se Deus de tal maneira nos amou, devemos nós também amar uns aos outros. 1 João 4:11.
Isso não é o que a lei dizia, pois isto só é possível em Cristo. Quantas vezes nós ouvimos as pessoas dizerem que nos relacionamentos da igreja nós precisamos ser amados. Muitas vezes a ênfase está no ser amado, mas as Escrituras nunca disseram isto. A Bíblia diz que nós precisamos amar, e para isso nós entendemos que Deus é amor. E por Ele ser amor, Ele derramou o Seu amor em nossos corações. Romanos 5:5 E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nosso coração pelo Espírito Santo que nos foi dado.
O amor de Deus é derramado e não pingado como um conta gotas. O Espírito já nos foi dado, e isso é passado. O amor de Deus é derramado, e isso é presente. Isso significa que nós vamos entrando na experiência do amor de Deus passo a passo. E então nós vamos amando a Deus e amando uns aos outros. Portanto, na medida em que nós conhecemos essa realidade e fluímos essa verdade, porque Deus é amor, e o Seu amor foi derramado, podemos andar em amor. Efésios 5:1-2 Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave.
Você quer errar? Então entre em um relacionamento para receber amor. Quer acertar? Entre em um relacionamento para dar amor. Quando você ama a seu irmão ou irmã, certamente tu és um bem-aventurado. Está escrito em Atos 20:35b. Lembrem das palavras do Senhor Jesus: “É mais feliz quem dá do que quem recebe. ” (LH).
Se nós não temos tido experiência da realidade do amor de Deus por nós e, vivido neste amor, imersos neste amor, é como se nós não pudéssemos destampar o pote para recebermos amor. Então sabe o que acontece conosco? Em primeiro lugar nos tornamos pessoas críticas e com isso lamentaremos que não temos recebido amor, e diz que ninguém tem se importado comigo e, fala bem alto: “eu, eu, eu”. Depois do criticismo nós evoluímos para o cinismo. O cinismo sempre diz que o cristianismo são coisas teóricas, por isso eu não creio em mais nada disso. Não creio na igreja, não creio no amor de Deus entre os irmãos. Está é uma degradação inconsciente.  Estrangeiros lhe comem a força, e ele não o sabe; também as cãs já se espalham sobre ele, e ele não o sabe. Oséias 7:9.
Graças ao Senhor porque não somos trevas, somos luz no Senhor. Deus é amor e nós estamos Nele e Ele está em nós. Amados, Deus sabe que o amor faz com que nos aprofundemos em Sua vida muito mais do que o dever temeroso jamais seria capaz. O amor nos ensina melhor a verdade, nos liberta de nosso egoísmo e de nossos fracassos e nos torna produtivos no mundo. Às vezes me pergunto: será que realmente entendemos o quanto Deus nos ama? Muitos infelizmente vivem um cristianismo de puro ritualismo e por isso são vazios e não têm certeza do amor de Deus nos momentos em que mais precisam. Amados, está na hora de entender o significado do amor divino; um amor profundo, libertador, sem limites e imposições. Efésios 2:4-5 Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, e estando nós mortos em nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo, —pela graça sois salvos.
Confiemos em Seu amor! Confiança: é tão fácil falar sobre ela, mas tão difícil colocá-la em prática. A verdade é que Deus sabe como é difícil para você confiar Nele. E espera pacientemente que você aprenda. Deus simplesmente quer que você preste atenção Nele e aprenda. Deus sabe que somente através da confiança você poderá aproveitar a plenitude da vida na morada divina. Ele também sabe que você só confiará Nele na medida em que estiver certo de que Ele o ama. Então vamos ler Jeremias 31:3 De longe se me deixou ver o SENHOR, dizendo: Com amor eterno eu te amei; por isso, com benignidade te atraí.
O apóstolo Paulo foi quem mais viveu e escreveu sobre a realidade de amar uns aos outros. Paulo na época perseguia os filhos de Deus e os matava. Até que se encontrou com o Senhor no caminho de Damasco. Naquele encontro Paulo esperou que fosse castigado pelo Senhor, mas não havia raiva ou vingança da parte de Jesus. Quando Paulo, deparou-se com Aquele que combatera e, naquele momento, tudo o que encontrou foi amor. Aquele que tanto perseguia O amava. Ele viera não para castigar Paulo, e sim para abrir-lhe os olhos espirituais para que visse o que Jesus realmente era. Paulo não fez nada para ganhar o favor de Deus e, mesmo assim, o recebera. Então ele tinha autoridade para dizer que: Se alguém não ama o Senhor, seja anátema. Maranata! 1 Coríntios 16:22. Amém.  



Assista os nossos estudos no YOUTUBE:

ONDE ESTAVA DEUS QUANDO JESUS ESTAVA NA CRUZ