"NOSSA VISÃO: CONHECER A CRISTO CRUCIIFICADO E TORNÁ-LO CONHECIDO, EM TODO LUGAR, POR MEIO DA GRAÇA."

sábado, 13 de agosto de 2011

O HOMEM COMO CABEÇA

Quero, entretanto, que saibais ser Cristo o cabeça de todo homem, e o homem, o cabeça da mulher, e Deus, o cabeça de Cristo 1 Coríntios 11:3.
Todos os males da sociedade sejam financeiros, políticos, trabalhistas, escolares ou religiosos, têm a sua origem no coração do homem.
Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá? Jeremias 17:9.
A instituição que Deus estabeleceu, ainda no jardim do Éden, ajuntando duas pessoas de maneira especifica para formar uma unidade é o que chamamos de família. O ambiente formado pelo amor de todos os membros da família uns para com os outros cria o que chamamos de “lar”. O lar tem suma importância na vida humana, pois é berço de hábitos, caráter, crença, moral de cada ser humano, seja no contexto mundial, nacional, municipal ou familiar. Então, podemos dizer, da forma como caminha o lar, caminha o mundo. Como caminha o seu lar? Hoje é o dia dos pais, mas será que nós pais regenerados sabemos da nossa função de homem como cabeça? Tudo aquilo que acontecer no lar está sob a responsabilidade do cabeça do cabeça do lar. Sabemos que a responsabilidade no lar é do homem e da mulher, mas quem irá responder pela família diante do Senhor é a cabeça da casa. No jardim do Éden, depois do pecado, Deus chamou Adão e não Eva para explicar o que tinha acontecido. Deus falou com Adão, a cabeça do lar e o responsável pelas ações do lar. Lemos em Gênesis 3:9 E chamou o SENHOR Deus ao homem e lhe perguntou: Onde estás? Adão teve que responder pelas ações da família porque era o responsável pelo lar. Leiamos em
Gênesis 3:10-11 Ele respondeu: Ouvi a tua voz no jardim, e, porque estava nu, tive medo, e me escondi. Perguntou-lhe Deus: Quem te fez saber que estavas nu? Comeste da árvore de que te ordenei que não comesses?
Adão não procurou essa posição, assim como nenhum homem a procura, mas foi desde o princípio “conforme o propósito dAquele que faz todas as coisas, segundo o conselho da sua vontade”. Então, através do fato do homem ter sido formado primeiro, no jardim do Éden, Deus mostrou a sua vontade. Deu ao homem uma posição primordial no lar. Essa posição, de ter sido formado primeiro, traz consigo responsabilidades intransferíveis, das quais, ele tem que prestar conta diante de Deus e não levá-las a sério pode ter um efeito intenso sobre a sua comunhão com Deus. Vamos ler esta verdade em
1 Pedro 3:7 Maridos, vós, igualmente, vivei a vida comum do lar, com discernimento; e, tendo consideração para com a vossa mulher como parte mais frágil, tratai-a com dignidade, porque sois, juntamente, herdeiros da mesma graça de vida, para que não se interrompam as vossas orações.
No texto que lemos podemos ver que o homem precisa pastorear o coração da sua esposa, cuidando dela, alimentando-a, assim como Cristo faz com a Igreja. Cristo amou a Igreja e por isso se entregou por ela. Mas a responsabilidade do homem como cabeça não para por aqui, porque também envolve a educação de seus filhos. O homem como cabeça terá de prestar contas diante do Senhor pela educação de seus filhos. Como você está educando seus filhos? É na disciplina e na admoestação do Senhor? Você sabe de suas rebeldias e não os disciplina? Não nos esquecemos, será diante do Senhor que vamos prestar contas e não diante dos homens. Leiamos em 1 Samuel 3:13 Porque já lhe disse que julgarei a sua casa para sempre, pela iniqüidade que ele bem conhecia, porque seus filhos se fizeram execráveis, e ele os não repreendeu. Irmãos, o mundo iguala a posição de cabeça à posição de ditador, um rei que governa um castelo, ou o galo que manda no galinheiro, mas estas correspondências não estão corretas. Assim como Cristo é a cabeça da igreja, o homem é a cabeça da mulher e do lar. Podemos perguntar, como Cristo mostrou a sua posição de cabeça? Ele se mostrou cabeça da igreja quando “a si mesmo se entregou por ela” O seu amor pela igreja mostra a sua posição de cabeça. O seu amor é visto no seu sacrifício. Lembramos o significado da palavra ágape que é amor medido pelo seu sacrifício. O homem tem a responsabilidade de amar com sacrifício, porque o mandamento é: Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a igreja e a si mesmo se entregou por ela. Efésios 5:25. Deve vir da cabeça do lar o padrão de maior iniciativa em relação à espiritualidade e moralidade no lar. Leiamos Isaías 38:19 Os vivos, somente os vivos, esses te louvam como hoje eu o faço; o pai fará notória aos filhos a tua fidelidade. Se a cabeça do lar estiver presente no lar, nenhuma outra pessoa deve tomar a incitava de fazer orações antes das refeições, nem a família deve ter a iniciativa de se aprontar para os cultos públicos ou decidir quais serão os limites morais no lar. Outra pessoa até pode participar deste incentivo, mas é a cabeça que deve ter a responsabilidade geral de estabelecer os padrão. É lógico que esta posição serve como modelo de comportamento diante das mulheres sendo imitada ou copiada por todos no lar. Deus se dirige aos maridos dizendo: “Igualmente, vós, maridos, coabitai..., dando honra a mulher”. Se o homem não honra a sua mulher, ele está em desobediência direta. Se o pai permite que os filhos desrespeitem a mãe, as irmãs, a professora ou a vizinha, ele está em desobediência indireta. Ele é a cabeça, o responsável diante de Deus pelo que transcorre com todos no lar, seja na sua presença ou ausência. A semente do pecado do pai se prolonga nas ações da família.
Daniel 6:24a. Ordenou o rei, e foram trazidos aqueles homens que tinham acusado a Daniel, e foram lançados na cova dos leões, eles, seus filhos e suas mulheres.
Infelizmente hoje, em muitos lares cristãos, até parece que a responsabilidade das coisas de Deus, das coisas espirituais, é do sexo feminino. Nós pais devemos prestar muita atenção: somos responsáveis pela vida de nossos filhos, você é responsável pela vida espiritual da tua família. Não culpemos os irmãos, não culpemos a igreja, quando nossos filhos se desviarem! Porque Deus, o nosso Pai, colocou a responsabilidade sobre a nossa cabeça, e só sobre a nossa cabeça, por isso não joguemos a culpa nos outros. Assumamos a nossa responsabilidade! Somos seus Sacerdotes; Somos seus Profetas; Somos seus Reis. Se o filho tem falhado, é porque também temos falhado. Podemos ser exemplares funcionários, podemos ser presidente de um Banco, podemos ser atletas excepcionais, podemos ganhar muito dinheiro, mas se não formos bons maridos, se não formos bons pais, diante do nosso Deus somos um verdadeiro fracasso. Fracassados! Porque não conseguimos alcançar o propósito de Deus como pais. É Deus deixa muito claro em Sua Palavra a responsabilidade dos pais. Leiamos em
Salmos 78:5-8 Ele estabeleceu um testemunho em Jacó, e instituiu uma lei em Israel, e ordenou a nossos pais que os transmitissem a seus filhos, a fim de que a nova geração os conhecesse, filhos que ainda hão de nascer se levantassem e por sua vez os referissem aos seus descendentes; para que pusessem em Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, mas lhe observassem os mandamentos; e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus.
A liderança do homem como cabeça envolve a responsabilidade de agir em beneficio de um outro, mas isso não dá o direito de mandar que os outros o sirvam. O homem responsável pelo lar nunca deve pensar na autoridade que tem fora do contexto da sua responsabilidade.
Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva. Mateus 20:26.
Se pudessem ser vistos o fundo do coração da esposa e dos filhos, notaríamos que eles desejam intensamente que o homem no lar tome atitudes de líder. Quando o líder é submisso a quem não deve ser líder, cria-se confusão e espanto no lar, talvez isso não seja tão evidente nas reações, mas sempre se revelam nas emoções. A natureza pecaminosa de todos os participantes do lar faz com que eles sejam insubmissos e desafiem a liderança. Mas, no fundo, há o desejo de viver no lar da forma como Deus tem ordenado. Se Cristo for a cabeça, o corpo será bem ajustado. Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, de quem todo o corpo, bem ajustado e consolidado pelo auxílio de toda junta, segundo a justa cooperação de cada parte, efetua o seu próprio aumento para a edificação de si mesmo em amor. Efésios 4:15-16. Amém.

Deus te abençoe amado irmão(a).

2 comentários:

EBD Vencedores disse...

A Paz do Senhor!

Passeando pela Net, encontrei teu blog, que por sinal, é muito edificante!

Venho aqui, divulgar meu trabalho de digitação, onde em meu blog, apresento as várias formas de valores!

Se tu estiveres precisando de algum trabalho meu, procure-me!

Grata pela atenção!
Prof Gi

*Patricia* disse...

Gostei do texto principalmente esta parte:

A liderança do homem como cabeça envolve a responsabilidade de agir em beneficio de um outro, mas isso não dá o direito de mandar que os outros o sirvam. O homem responsável pelo lar nunca deve pensar na autoridade que tem fora do contexto da sua responsabilidade. Não é assim entre vós; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva. Mateus 20:26.