"NOSSA VISÃO: CONHECER A CRISTO CRUCIIFICADO E TORNÁ-LO CONHECIDO, EM TODO LUGAR, POR MEIO DA GRAÇA."

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

CRESCENDO À MATURIDADE (26) AMOR SEM LIMITES

E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele. 1 João 4:16.
Você tem ideia do quanto Deus te ama? O amor com que o Deus verdadeiro sempre age sobre nós é tão profundo que desafia a nossa compreensão. Quando temos a impressão de que Deus ignora nossas orações mais fervorosas, a confiança pode desfazer facilmente e nos levar a perguntar se Ele realmente se importa conosco. Nesses momentos, muitas vezes procuramos nossos defeitos e faltas, imaginando que são elas que podem justificar o que consideramos indiferença de Deus. Quando isso acontecer, lembre-se de que a maior prova de Seu amor por nós está na cruz do Calvário. Jeremias 31:3 De longe se me deixou ver o SENHOR, dizendo: Com amor eterno eu te amei; por isso, com benignidade te atraí.
A obra da cruz abriu as portas para o amor de Deus, um amor tão vasto e seguro que não pode ser desafiado nem em nossos dias mais tristes. Deus nos ama mais do que podemos imaginar, e nos ama no decorrer de toda a nossa vida. Se você aceitar essa verdade, seus problemas nunca o farão duvidar do amor de Deus, nem você se perguntará se tem feito o bastante para merecê-lo. Em vez de temer que Deus tenha lhe virado as costas, você será capaz de confiar no Seu amor nos momentos em que mais precisar. O amor de Deus é um amor doador e misericordioso. Precisamos descansar no amor que Deus tem por nós. Foi assim no inicio e será para sempre! Efésios 2:4-5 Mas Deus, sendo rico em misericórdia, por causa do grande amor com que nos amou, e estando nós mortos em nossos delitos, nos deu vida juntamente com Cristo, - pela graça sois salvos.
Deus sabe como é difícil aceitar o Seu amor e nos ensina com mais paciência do que percebemos. Basta estar atento. Portanto, não é o medo de perder o amor de Deus que manterá você no caminho Dele, mas a simples alegria de viver nesse caminho todos os dias. No dia em que descobrir isso, você começará a viver de verdade. Permaneça no seu amor. João 15:9 Como o Pai me amou, também eu vos amei; permanecei no meu amor.
Durante séculos, os homens e as mulheres se mantiveram a uma grande distância de Deus, com vergonha dos seus próprios pecados e intimidados pela Sua santidade. Mas Deus nunca pensou assim. Ele levava adiante Seu plano de restaurar a amizade com os seres humanos. Na forma de Jesus, Ele era capaz de se sentar na companhia daqueles que amava e as pessoas se sentiam muito à vontade para participar de uma conversa franca com Ele. Que experiência incrível deve ter sido para Jesus estar com pessoas que não se impressionavam com Ele e que podiam sinceramente alegrar-se com a Sua presença. Jesus veio desfazer a inimizade que havia entre nós e Deus. Romanos 5:10 Porque, se nós, quando inimigos, fomos reconciliados com Deus mediante a morte do seu Filho, muito mais, estando já reconciliados, seremos salvos pela sua vida.
Eu vejo que a maior benção e também a maior demonstração de amor para toda a humanidade foi à encarnação do Verbo. O que houve na encarnação? Deus se disfarçou; primeiro como um bebê na manjedoura, depois como um menino criado em Nazaré e, finalmente, como um homem subindo as colinas da Galileia. Ninguém imaginava que Deus viveria entre os homens e por isso ninguém encolhia de medo ou se constrangia na presença Dele. Mateus 1:23 Eis que a virgem conceberá e dará à luz um filho, e ele será chamado pelo nome de Emanuel (que quer dizer: Deus conosco).
Que Pai maravilhoso nós temos! Agora Deus estava entre os homens como sempre desejava estar. Pessoas com vidas fracassadas se aproximavam Dele e não eram repelidas. Seus seguidores se sentiam seguros o bastante em Sua presença para serem honestos, mesmo quando revelavam certa arrogância ou ambição pelo poder. Agora Deus podia vivenciar a amizade que sempre quis ter com Seu povo e, por meio dessa relação, libertá-lo do pecado. João 12:32 E eu, quando for levantado da terra, atrairei todos a mim mesmo.
É esse saber que abre a porta para que a Verdade nos liberta, porque quando esse conhecimento entra em nós, conheceremos a verdade e somos libertos pelo Filho de Deus. João 8:32,36 E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.
Depois de algum tempo Jesus foi para a cruz, morreu e ressuscitou. Claro que todos nós fomos incluídos também nesse sacrifício. Mas será que depois da ressurreição de Jesus os discípulos iriam se encolher e a recuar, aterrorizados com Sua grandiosidade? Jesus não queria que essa revelação destruísse a amizade que cultivara com seus discípulos, e sim queria que essa amizade crescesse e se fortificasse. Mas para que sejamos amigos de Cristo é necessário crer Nele de todo o coração. Tiago 2:23b. Ora, Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado para justiça; e: Foi chamado amigo de Deus.

Vocês se lembram da última ceia? Aquelas palavras de Jesus foram concebidas para ajudar seus discípulos a transpor a amizade que vivenciaram com Ele para o Pai, para o Cristo ressuscitado e para o Espírito Santo. Em vez de estar no meio deles na forma humana, Deus viria e se manifestaria a eles. Jesus lhes disse que a amizade não só continuaria, mas seria até melhor do que a que tinham vivenciado com ele. Leiamos João 14:20 Naquele dia, vós conhecereis que eu estou em meu Pai, e vós, em mim, e eu, em vós. Com essas palavras simples, Jesus revelou qual era o desejo de Deus desde o primeiro dia da criação: convidar homens e mulheres a fazerem parte da relação que Deus concebera em Si mesmo por toda a eternidade. Não seria ousado demais imaginar que esse Deus se alegra comigo, mesmo quando eu falho e sucumbo aos defeitos da minha condição humana? Seria, se Deus não fosse quem é. É Ele quem se oferece para ser nosso Pai amoroso; compartilhando a vida de Cristo com cada um de nós de um modo que nenhum pai terreno jamais seria capaz. Sofonias 3:17 O SENHOR, teu Deus, está no meio de ti, poderoso para salvar-te; ele se deleitará em ti com alegria; renovar-te-á no seu amor, regozijar-se-á em ti com júbilo. Deus está falando claramente sobre a intimidade e a segurança de uma amizade construída no amor e na confiança. Deus quer que confiemos no Seu amor, para que possamos estar seguros na Sua presença. Mas é a presença do Deus vivo o que torna essa amizade ainda mais incrível. Mas para vivenciá-la, precisamos ter consciência de quantos somos amados. Vede que grande amor nos tem concedido o Pai, a ponto de sermos chamados filhos de Deus. 1 João 3:1a. Amém.

 Assista as ministrações em nosso canal no youtube

Um comentário:

Rosangela Cardoso disse...

PALAVRA REVELADA QUE VAI ALÉM DA LETRA.....Palavra do Espírito Santo de DEUS!!!!Maravilhas....DEUS seja eternamente louvado adorado.....nos quatro canto dessa terra......Deus é Fiel..............boa noite com JESUS.......................