"NOSSA VISÃO: CONHECER A CRISTO CRUCIIFICADO E TORNÁ-LO CONHECIDO, EM TODO LUGAR, POR MEIO DA GRAÇA."

domingo, 24 de fevereiro de 2013

A BATALHA ESPIRITUAL


Porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes. Efésios 6:12.
Nessa passagem, vemos que estamos em uma guerra, e essa guerra não é contra outros seres humanos, mas contra o mal e seus demônios. Quando somos regenerados em Cristo, ou seja, quando nascemos de novo, começa a travar uma batalha em nossa mente engendrada por satanás. O diabo tentará de todas as formas tirar-nos da centralidade da Pessoa e obra de Cristo. Para isto o maligno usará de diversas circunstâncias com a finalidade de atacar a nossa mente com algo como o medo, dúvidas, confusão, desânimo, raiva e sentimentos de condenação. Tudo isso é um ataque à minha e a sua mente. O inimigo de nossas almas, satanás, tentará nos derrotar com estratégias e engano, mediante planos bem elaborados e ardil deliberado. O nosso Senhor Jesus o chamou de o pai da mentira. Vós sois do diabo, que é vosso pai, e quereis satisfazer-lhe os desejos. Ele foi homicida desde o princípio e jamais se firmou na verdade, porque nele não há verdade. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira. João 8:44. Ele mente para você e para mim. Ele nos diz coisas sobre nós mesmos, sobre outras pessoas e sobre circunstâncias que simplesmente não são verdadeiras. Ele não diz, entretanto, a mentira toda de uma vez. Ele começa bombardeando nossa mente com um padrão astuciosamente delineado de pequenos pensamentos importunos, suspeitas, dúvidas, receios, questionamentos e teorias. Ele se move vagarosa e cautelosamente. O diabo tem uma estratégia para a sua guerra. Ele tem nos estudado há um longo tempo. Ele sabe do que gostamos e do que não gostamos. A capetada conhece nossas inseguranças, nossas fraquezas e nossos medos. Sabe o que mais nos aborrece. Ele está pronto para investir o tempo que for necessário para nos derrotar. Quando fomos incluídos no sacrifício de Cristo e participamos de sua morte e ressurreição, agora temos a natureza divina, somos do Senhor, mas ainda estamos no mundo. Não podemos nos esquecer que este mundo é um campo de batalha para o regenerado. Embora ainda estejamos em um corpo de carne, a nossa luta não é contra a carne. Graças ao Senhor, porque Ele já orou por nós. Não peço que os tires do mundo, e sim que os guardes do mal. João 17:15.
Satanás tenta estabelecer “fortalezas” em nossa mente, mediante uma estratégia cuidadosa e engano astuto. Uma fortaleza é uma área na qual somos mantidos escravizados, ou seja, em prisão em decorrência de certa forma de pensar. O apóstolo Paulo nos diz que temos as armas de que precisamos para dominar as fortalezas de satanás. Leiamos em 2 Coríntios 10:4-5 Porque as armas da nossa milícia não são carnais, e sim poderosas em Deus, para destruir fortalezas, anulando nós sofismas e toda altivez que se levante contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo pensamento à obediência de Cristo.
Nós estamos engajados em uma guerra espiritual, onde nosso inimigo é satanás; a mente é o campo de batalha; o diabo trabalha diligentemente para estabelecer fortalezas em nossa mente. Por isso é fundamental que analisemos que tipo de pensamentos tem ocupado as nossas mentes. Os pensamentos que temos alimentado glorificam a Deus? Aquilo que retemos em nossas mentes, exalta a Pessoa de Cristo? Infelizmente, muitos têm feito de suas mentes uma espécie de alojamento para pensamentos de derrota, fracasso, impureza, mágoa, vitimismo, medo, morte, etc. A ignorância da verdade, ou mesmo a rebeldia, são responsáveis por manter as pessoas prisioneiras dentro de um círculo vicioso de pensamentos que são contrários à vontade de Deus. Precisamos ouvir as palavras do profeta em Jeremias 4:14  Lava o teu coração da malícia, ó Jerusalém, para que sejas salva! Até quando hospedarás contigo os teus maus pensamentos?
É necessário que tenhamos pensamentos que exaltem a Pessoa de Cristo em nós. Hoje o diabo tem incutido nas mentes dos filhos de Deus que para ser um cristão verdadeiro é imperativo que se tenha uma boa conduta. Uma boa conduta é fruto da manifestação da vida de Cristo em nós. Quando nascemos de novo, nós não recebemos uma conduta, mas recebemos uma Pessoa. Jesus não veio fazer uma correção em nossas vidas, mas uma maravilhosa mudança. O nosso homem velho já foi crucificado com Cristo, mas seus resquícios estão na mente, por isso é necessário ter uma mente renovada. E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. Romanos 12:2.
Viver a vida cristã neste mundo não é fácil porque temos inimigos poderosos e incansáveis. Por isso se alguém não estiver unido a Cristo não poderá viver a verdadeira vida cristã. No âmbito espiritual nós não podemos fazer absolutamente nada, mas cremos que o Senhor fará tudo por nós quando estamos ligados a Ele. Se estivermos Nele a vitória é certa, porque Cristo batalha por nós e nos guardará do maligno. Salmos 121:7 e 2 Timóteo 4:18  O SENHOR te guardará de todo mal; guardará a tua alma. O Senhor me livrará também de toda obra maligna e me levará salvo para o seu reino celestial. A ele, glória pelos séculos dos séculos. Amém!
Irmãos se já fomos alcançados pelo Evangelho gracioso de nosso Senhor Jesus, então vivamos uma vida reta e santa diante do Senhor e usufruamos dos privilégios que Ele mesmo tem depositado em cada um de nós, para que o Seu nome seja glorificado. Os poderes espirituais vêm contra nós para evitar que isso aconteça, ou seja, que o Senhor seja manifesto em nossas vidas. Uma vez mortos em Cristo, não desanimemos, pelo contrario, levamos sempre o seu morrer, pois somente assim a Sua vida santa se manifestará em nós. 2 Coríntios 4:10 Trazendo sempre por toda parte a mortificação do Senhor Jesus no nosso corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também em nossos corpos.
A luta principal de satanás é difundir o erro, difundir a atração pelo pecado, camuflar a realidade do pecado, onde achamos que podemos pecar sem sofrer as conseqüências e muitas outras armadilhas que a Bíblia chama de tentações do diabo. Então para vencermos esta batalha não é a igreja indo de encontro aos principados e potestades, mas é ao contrário, a igreja deve estar firme, vitoriosa e com o pé fincado em terreno conquistado pelo nosso capitão. A ordem que nos é dada é resistir e nada mais. Efésios 6:13 Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, depois de terdes vencido tudo, permanecer inabaláveis.
Armadura em si, ela não tem nada de tecnologia espiritual, hermética ou que seja propriedade de alguns iluminados. Quando nós damos uma olhadinha nas peças da armadura, o que nós encontramos? Encontramos justiça, fé, oração, certeza da salvação, paz, etc. A armadura é o próprio Senhor Jesus, ou os benefícios que Ele conquistou para nós na cruz do Calvário. Tomar a armadura diariamente significa receber os meios de graça que o Senhor nos deixou: leitura da Palavra, vigiar e orar e se ocupar a mente com o Senhor e a Sua verdade, viver em comunhão com os irmãos. Efésios 6:10 Quanto ao mais, sede fortalecidos no Senhor e na força do seu poder. O Senhor é a nossa força, portanto Nele nos fortalecemos e Ele mesmo é quem guerreará por nós está batalha. Mas o SENHOR está comigo como um poderoso guerreiro; por isso, tropeçarão os meus perseguidores e não prevalecerão; serão sobremodo envergonhados; e, porque não se houveram sabiamente, sofrerão afronta perpétua, que jamais se esquecerá. Jeremias 20:11. Amém.
Graça e paz.

Ouça nossos estudos no Youtube acessando o link abaixo:

http://www.youtube.com/user/claudioamorandi?feature=watch

2 comentários:

Maria Luiza Agata disse...

muito boa essa mensagem!@

Maria Luiza Agata disse...

muito boa essa mensagem!@